fbpx

A música de protesto preferida de Yoko Ono

Quando Yoko Ono e John Lennon se uniram, uma mudança notável ocorreu na vida do Beatle. Ele deixou o cabelo crescer e tornou-se muito mais político em tudo o que fazia, seja em suas ações cotidianas ou por meio de sua música. Muitos afirmavam que era Yoko Ono quem o transformava nessa figura, enquanto ela afirma que ele sempre foi assim e apenas se sentia mais à vontade sendo ele mesmo.

Dada a reputação de Ono como artista e ativista de protesto, não é surpresa para ninguém que as pessoas associem a mudança de Lennon ao relacionamento deles. Ono nunca foi tímida ao relatar as injustiças no mundo, como reflete em grande parte de seu trabalho que criou e e sua parceria musical com John.

A dupla se dedicou à tranquilidade global em seus empreendimentos criativos. Evidente em sua Lua de Mel, os Bed-ins for Peace que apresentavam eles na luta pela paz em meio à Guerra do Vietnã.

“Acreditávamos que estávamos causando uma mudança positiva”, afirmou Yoko Ono durante sua participação no Desert Island Discs, programa da BBC, “Nossa motivação era um tanto egoísta”. Apesar das intenções nobres, o protesto recebeu críticas mistas, com detratores rotulando-o como uma manobra publicitária transparente.

Crédito: Divulgação

“É absurdo”, refletiu ela, “considerando, será que nos faltava publicidade? Pessoalmente, não faltava. Em retrospectiva, afirmo que nossas ações eram louváveis.”

Outro momento crucial ocorreu com o lançamento de Imagine, dedicada à paz. A letra é uma luta por um mundo desprovido de posses e filiações religiosas em busca da existência harmoniosa. Esse sentimento não era caprichos deles e sim, algo pensado.

Durante a mesma entrevista, Yoko Ono revelou seu hino de protesto preferido, que tinha o conceito alinhado a Imagine. “É uma composição esquisita”, comentou ela sobre One Love de Bob Marley, “Acho indescritível.”

Lançada em 1965, One Love é um esplêndido hino de protesto que enfatiza a união. A profundidade lírica explora temas de opressão e transgressão, mas o tema é muito otimista, instigando os indivíduos a “se reunirem e experimentarem a serenidade”. Essa composição deixou uma marca inapagável em Yoko Ono, refletindo profundamente e quem sabe até influenciando a criação de Imagine.

Um hino de protesto pode falar sobre injustiças ou sobre um reino desprovido dessas injustiças. One Love fala sobre ambas, pavimentando seu status como um dos principais hinos de protesto, endossado por Yoko Ono e muitos outros.

Autor

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Social Media


Assine nossa newsletter!

Ative o JavaScript no seu navegador para preencher este formulário.


Últimas notícias

Publicidade