fbpx

Blind Pigs transforma discos icônicos em dois shows no Hangar 110

Depois de uma turnê de 30 anos com apresentações memoráveis na capital paulista, em lugares como o Carioca Club e o Tendal da Lapa lotados de fãs, a banda punk rock Blind Pigs volta aos palcos da cidade de São Paulo.

Desta vez, os shows acontecem no Hangar 110, espaço que consagrou o Blind Pigs no início dos anos 2000, como um dos principais nomes do estilo. O reencontro com a casa, que às vezes precisava marcar duas datas no final de semana para dar conta do público da banda, vem também em dose dupla, porém com duas noites diferentes.

No primeiro dia, marcado para 16 de março, a banda tocará na íntegra o álbum de estreia “São Paulo Chaos”, além de alguns dos principais hits do grupo para completar o setlist. Já na noite seguinte, 17, o disco contemplado será o “Blind Pigs”, mais conhecido por ‘capa amarela’.  

Fãs invadem palco do Blind Pigs em celebração de 30 anos / Foto: Filipe Redondo

“Nos shows de 30 anos, muita gente pediu músicas do ‘São Paulo Chaos’ e do capa amarela, que não estavam no setlist. E são, na minha opinião, os dois discos mais importantes da discografia do Blind Pigs, pois marcaram a adolescência de muita gente. O mais legal desses shows é que os setlists não vão se repetir. Quem for nas duas noites irá testemunhar dois shows completamente diferentes”, revela o vocalista Henrike, que fará aniversário na data da segunda apresentação. “Domingo será um dia mais do que especial, porque além de tocar meu álbum favorito na íntegra, irei celebrar meio século de existência no palco do Hangar!”
 
E as surpresas para a ‘Legião de inconformados’ em 2024, não param por aí. A gravadora americana Pirates Press Records preparou um relançamento em LP do álbum ‘capa amarela’, que ficou fora de catálogo por muito tempo e é difícil de encontrar, seja em CD ou vinil.  “Esse disco foi um divisor de águas para os Porcos Cegos pois foi com o lançamento dele que nós, aos nossos próprios olhos, deixamos de ser uma banda punk de garotos para virar uma banda de verdade. Ele foi muito bem planejado, das músicas às fotos que compõem a arte visual, até os clipes de ‘Amanhã Não Vai Mudar’ e ‘O Idiota’, tudo feito com o maior cuidado e cem por cento independente, feito por nós mesmos junto com amigos. Foi lançado pelo nosso próprio selo na época, Sweet Fury Records. Esse disco deu uma visibilidade incrível ao Blind Pigs”, diz Henrike.
 
O álbum, que será lançado nos EUA e na Europa, foi remasterizado para tocar em 45 RPM para ter uma qualidade sonora ainda melhor, e conta com um encarte com fotos inéditas da época e um texto sobre a sua criação. Apesar de ser um lançamento internacional, a banda adianta que terá um número limitado de cópias do disco para ser vendido exclusivamente nesses shows.

Ingressos:
https://pixelticket.com.br/eventos/19038/blind-pigs-no-hangar110

Autor

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *