fbpx

Ex-baixista do Saxon condenado por abuso de menor

Um dos membros fundadores da banda de heavy metal do Reino Unido, Saxon, foi recentemente preso por crimes sexuais históricos contra crianças. Stephen Dawson, o baixista do Saxon desde sua formação em 1975, agora enfrenta as consequências de seus atos.

Dawson, que contribuiu para o sucesso do Saxon, vendendo mais de 23 milhões de discos ao longo dos anos, foi condenado a seis anos de prisão após um julgamento no Sheffield Crown Court. Ele foi considerado culpado de abusar repetidamente de uma menina de seis anos na década de 1990.

Durante o processo, foi revelado que Dawson cometeu quatro agressões indecentes contra uma criança menor de 14 anos. O oficial encarregado do caso, Detetive Robert Heath, destacou a coragem da vítima em enfrentar o agressor após três décadas.

Crédito: Getty Images

“Dawson pensou que tinha escapado impune por seus atos malignos, mas a força extraordinária da vítima permitiu que a justiça fosse feita”, declarou Heath.

A notícia chocou os fãs do Saxon e da comunidade do heavy metal em geral. Dawson, cuja vida foi em parte retratada no personagem Derek Smalls do Spinal Tap, agora enfrenta o repúdio de seus colegas de banda e admiradores.

O Saxon, conhecido por sucessos como “Wheels of Steel” e “747 (Strangers in the Night)”, é uma das bandas mais influentes da história do metal europeu, tendo até mesmo contado com o apoio de lendas como Ozzy Osbourne.

O caso de Dawson serviu como um lembrete perturbador da importância de dar voz às vítimas de abuso infantil. O Detetive Heath instou qualquer pessoa que tenha sofrido abusos no passado a se manifestar e buscar apoio.

“A coragem da vítima em trazer à tona esses eventos traumáticos mostra que é possível obter justiça, mesmo décadas depois”, enfatizou Heath.

Enquanto Dawson enfrenta as consequências de seus atos, a comunidade do heavy metal reflete sobre o impacto dessas revelações. É imperativo apoiar as vítimas e garantir que casos como esse sejam tratados com a seriedade e a sensibilidade que merecem.

Autor

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Social Media


Assine nossa newsletter!

Ative o JavaScript no seu navegador para preencher este formulário.


Últimas notícias

Publicidade