fbpx

Gwen Stefani lamenta os últimos anos do No Doubt: “Eu deveria apenas estar com minha família”

Gwen Stefani compartilhou recentemente suas reflexões sinceras sobre os últimos anos do No Doubt, expressando arrependimentos sobre não ter passado mais tempo com sua família durante esse período. A banda, prestes a fazer um retorno com sua primeira apresentação ao vivo desde 2015 no Coachella neste sábado (13 de abril), subirá ao palco principal às 21h25, entre os sets de Blur e o headliner Tyler, The Creator.

Em uma entrevista franca para a Nylon Magazine, Stefani falou sobre seus sentimentos frente ao último álbum da banda, Push and Shove, lançado em 2012. Na época, ela era casada com Gavin Rossdale do Bush, e agora ela admite que gostaria de ter priorizado mais tempo em casa com seus três filhos: Kingston, Zuma e Apollo.

Ela relembrou a pressão que sentia naquela época, dizendo: “Eu estaria deixando minha família. E se eu não voltasse para casa com uma música, eu pensava, ‘Meu Deus, eu sou tão fracassada – não jantei com minha família, e não escrevi uma música. Eu desperdicei um dia inteiro da minha vida tentando estar no No Doubt novamente’.” Esse conflito interno a levou a questionar por que estava se esforçando tanto para agradar a todos quando deveria estar com sua família. Apesar desses arrependimentos, ela reconheceu os aspectos positivos, dizendo: “Mas nós fizemos isso, e há algumas boas músicas.”

Olhando para o futuro, a banda não tem nenhum plano agendado após o festival, embora Stefani tenha mencionado mais cedo nesta semana que está “aberta a qualquer coisa”, mesmo não havendo “planos concretos para turnês ou novas músicas”. Ela expressou um senso de viver o momento, dizendo: “Bem, eu não tenho uma bola de cristal. A maioria das coisas me surpreendeu na vida. Uma das coisas que aprendi é estar presente no momento e tentar absorver o que está acontecendo ao meu redor em vez de olhar para o futuro.”

Nos bastidores, No Doubt mostrou aos fãs seus ensaios para o Coachella 2024. Stefani, falando sobre o retorno inesperado da banda em janeiro, expressou sua empolgação: “Aconteceu tão rápido, e esse é o meu tipo favorito de coisa que acontece. E eu acho que realmente só ver a internet explodir [com] o quão animados os fãs estão? Isso nos inspira.” Ela acrescentou: “Vai ser legal. Vai ser apenas: Suba lá e faça o que sempre fazemos, que é tocar nossa música e tentar nos conectar e ser tão gratos por termos essa carreira incrível que nunca esperávamos ter.”

Autor

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Social Media


Assine nossa newsletter!

Ative o JavaScript no seu navegador para preencher este formulário.


Últimas notícias

Publicidade