fbpx

Há 31 anos. Marcelo Nova emprestou sua guitarra ao Chuck Berry

O que podemos imaginar, numa cena, quando você é um ídolo do rock em seu país, de repente, emprestar sua guitarra ao Chuck Berry?

“Depois que você vê Chuck Berry fazer o duck walk a 1m de distância, usando sua guitarra, é quase como se ele estivesse me conferindo uma missão: ‘Vai lá, filho, e bota pra fod..”

Assim brinca o Marcelo Nova, guitarrista, vocalista e compositor da Camisa de Vênus. Numa entrevista antiga para UOL,foi responsável por emprestar um dos instrumentos que o guitarrista usou durante sua passagem por São Paulo, há 31 anos. Lembra que cedeu sua guitarra Gibson Chet Atkins após um pedido do produtor e amigo Pena Schmidt.

Chuck tinha passado para ele uma relação de modelos [de guitarra] que ele gostaria de tocar. Quando Pena falou que eu tinha uma Chet Atkins, Chuck bateu o martelo. Ele era doido, viajava sem instrumento nenhum.

A valiosa guitarra é um modelo especial, que não é encontrada facilmente nas lojas. “A Gibson só faz [esse modelo] sob encomenda. Ela é numerada, toda artesanal e tem uma qualidade excepcional”, relembra o músico.

Marcelo recorda o jeito pessoal do Chuck Berry, como era fora dos palcos:

Era um homem de poucas palavras. Mas foi muito educado e, quando acabou o último show, devolveu a guitarra e disse: ‘É um belo instrumento. Mantenha-o. Conserve-o.

Infelizmente, o músico não teve a oportunidade de tocar alguns acordes com o pai do rock, mas reitera sua importância:

Chuck era uma figura espetácular, não só da parte história de ser a pedra fundamental. Quem era o cara da guitarra dos anos 1950? Chuck Berry. Vai para os anos 1960, que já era uma outra forma de abordar o rock. Quem era a novidade? Rolling Stones. Quem estava por trás? Chuck Berry!

E o Marcelo completa:

Vá mais para frente e pega o cara que revolucionou a guitarra e a música popular, Jimi Hendrix. Ele sobe no palco e toca o quê? ‘Johnny B. Goode’. Era uma coisa literalmente avassaladora. Chuck é de uma identidade indelével. Enquanto se fizer rock nesse planeta, hoje ou daqui a cem anos, tudo vai partir de Chuck Berry.

Relembre a última performance ao vivo no Brasil do lendário cantor, no player abaixo:

Autor

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Social Media


Assine nossa newsletter!

Ative o JavaScript no seu navegador para preencher este formulário.


Últimas notícias

Publicidade