fbpx

Neil Young volta ao Spotify após o fim de exclusividade de Joe Rogan

Neil Young retirou sua música do Spotify em janeiro de 2022 devido à plataforma de streaming ter o podcast de Joe Rogan, que ele acusou de espalhar desinformação sobre vacinas. Alguns de seus contemporâneos, incluindo Joni Mitchell, Nils Lofgren e (breve) Crosby, Stills, & Nash seguiram seu exemplo. O programa Joe Rogan Experience costumava ser exclusivo do Spotify, mas o serviço recentemente negociou um acordo com Rogan que tornou o show disponível em outras plataformas. Por esse motivo, Young anunciou em seu site hoje que estava colocando seu catálogo de volta no Spotify, apesar de sua longa frustração com a qualidade de áudio da plataforma.

“Spotify, o #1 em streaming de música de baixa resolução no mundo — Spotify, onde você obtém menos qualidade do que nós fizemos, será novamente o lar da minha música”, escreveu o lendário músico folk. Ele continuou:

Minha decisão vem no momento em que os serviços de música da Apple e da Amazon começaram a oferecer os mesmos recursos de podcasts de desinformação que eu tinha me oposto no SPOTIFY.

Eu não posso simplesmente deixar a Apple e a Amazon, como fiz com o Spotify, porque minha música teria muito pouco alcance para os amantes de música, então retornei ao Spotify, na sincera esperança de que a qualidade do som do Spotify melhore e as pessoas possam ouvir e sentir toda a música como nós a fizemos. Qobuz e Tidal, onde minha música está presente, também são todas de alta resolução.

Espero que todos vocês, milhões de usuários do Spotify, aproveitem minhas músicas! Elas agora estarão todas lá para vocês, exceto pelo som completo que criamos.

Esperançosamente, o Spotify se voltará para a Alta Resolução como resposta e servirá toda a música para todos. Spotify, você pode fazer isso! Seja realmente o #1 em todos os aspectos. Vocês têm a música e os ouvintes!!!! Comecem com uma camada limitada de alta resolução e construam a partir daí!

Obrigado pelo seu apoio, pessoal! Neil

Em 2022, Young escreveu uma carta aberta para sua gerência e gravadora: “Estou fazendo isso porque o Spotify está espalhando informações falsas sobre vacinas — potencialmente causando mortes para aqueles que acreditam na desinformação espalhada por eles. Por favor, aja imediatamente hoje e me mantenha informado sobre o cronograma.” Rogan mais tarde respondeu no Instagram, dizendo: “Sinto muito que eles se sintam assim. Eu certamente não quero isso. Sou fã de Neil Young. Sempre fui fã de Neil Young… Eu não estou bravo com Neil Young.”

A música de Young ainda não está de volta ao Spotify. Mas ele tem um novo álbum ao vivo com Crazy Horse, FU##IN’ UP, que será lançado em 20 de abril.

Autor

Uma resposta para “Neil Young volta ao Spotify após o fim de exclusividade de Joe Rogan”

  1. […] última semana, Neil Young anunciou seu retorno ao Spotify (vale conferir o baita texto e vídeo feito pelo Marcelo Scherer aqui mesmo no Disconecta.com.br e no canal da Disconecta no Youtube), a […]

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Social Media


Assine nossa newsletter!

Ative o JavaScript no seu navegador para preencher este formulário.


Últimas notícias

Publicidade