fbpx

O único arrependimento de Ozzy com o Black Sabbath

Fala que Black Sabbath é a banda pioneira heavy metal é chover no molhado. Todos sabem que muito de seu sucesso se deveu ao talento de seus integrantes, incluindo Ozzy Osbourne como vocalista, este por sinal nunca deu sinais de arrependimento com sua saída do Sabbath, até agora.

Durante um episódio recente do novo podcast Madhouse Chronicles com Billy Morrison, Ozzy acabou confessando que que tem um arrependimento quanto a sua carreira com a banda: que a banda tenha terminado sem o baterista original, Bill Ward .

Quando o apresentador perguntou a Ozzy se ele estava satisfeito com toda a “carreira lendária” do Black Sabbath, o artista respondeu enfaticamente “não”. Depois ele expandiu: “ Não, porque não foi o Black Sabbath quem acabou com isso. Ficou incompleto .”

O príncipe das trevas continuou: “Se eu quisesse fazer mais um show com o Bill, eu aproveitaria (…) Sabe o que seria ótimo? Se fôssemos a um bar em algum lugar sem avisar e simplesmente fizéssemos isso . “Começamos em um bar.”

Em novembro de 2011, os quatro membros originais do Black Sabbath – Ozzy, Ward, Tony Iommi e Geezer Butler – realizaram uma coletiva de imprensa para anunciar que se reuniriam para fazer uma turnê no ano seguinte.

No entanto, em maio de 2012, Ward retirou-se oficialmente da reunião , alegando problemas com seu contrato para a reunião. A banda decidiu seguir em frente com Tommy Clufetos na bateria.

Confira abaixo o episódio do podcast Madhouse Chronicles que Ozzy revela sua arrependimento

Autor

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Social Media


Assine nossa newsletter!

Ative o JavaScript no seu navegador para preencher este formulário.


Últimas notícias

Publicidade