fbpx

Robert Plant revela desafios na criação de novas músicas

O antigo líder da banda Led Zeppelin, Robert Plant, revelou que está enfrentando dificuldades para compor novas músicas, apesar de seus melhores esforços.

Plant, que anunciou recentemente uma turnê pela América do Norte ao lado de Alison Krauss, lançou seu último álbum de material original em 2017, intitulado Carry Fire. No entanto, em 2021, ele se uniu a Krauss no álbum indicado ao Grammy, Raise the Roof, composto por covers de bluegrass.

Além da turnê com Krauss, Plant está programado para excursionar pelo Reino Unido em março com a banda Saving Grace, incluindo apresentações no Palladium em Londres e no Sheffield City Hall.

Crédito: Alysse Gafkjen

Em uma nova entrevista à Rolling Stone, Plant explicou: “Tenho um grupo de amigos com quem toco de vez em quando. Também tenho passado por todo esse material que nunca lancei e nunca terminei. E estou ficando animado com isso. Pensando, ‘Uau. O que vou fazer com isso?’ São os idiomas, as visitas, os lugares pelos quais passei musicalmente que não estavam completos e são simplesmente desconcertantes, e um pouco avassaladores.”

No entanto, as chances de novo material ser lançado em breve são pequenas, pois Plant acrescenta: “Eu tenho um gravador digital Tascam, canto e passo a voz por um pedal de guitarra, e então gravo ali, e fica ótimo. Por que me dar ao trabalho de ir ao estúdio? Mas eu não consigo encontrar palavras. Este é um momento muito difícil para tentar ser lírico.

Além disso, na mesma entrevista, Plant refletiu sobre a performance da clássica música do Led Zeppelin, Stairway To Heaven, após uma quantia considerável ser doada em um evento beneficente em prol do Cancer Awareness Trust em Oxfordshire no ano passado.

Embora Plant tenha admitido que provavelmente seria a última vez que tocaria a música, ele observou: “Foi catártico. As pessoas dizem, ‘Oh, isso é bom. Ele nunca faria isso.’ Mas eu realmente não planejei! Apenas saiu. Porque é uma música tão importante para mim naquele momento, com Jimmy, John e Bonzo. Naquela noite, foi o que foi. Foi uma provação pelo fogo, mas eu me senti melhor no final do que no começo.

Autor

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Social Media


Assine nossa newsletter!

Ative o JavaScript no seu navegador para preencher este formulário.


Últimas notícias

Publicidade